segunda-feira, 23 de abril de 2018

Cariocão 2018

Continuando com o Cariocão 2018, hoje a cartela é da Portuguesa-RJ. Finalista do primeiro torneio entre "Lusas" do Brasil, o time da Ilha do Governador bateu a co-irmã pauista e ficou com o troféu da 1ª Copa Rubro-verde. Para o Cariocão a Portuguesa foi com força ao mercado. Mais de um time inteiro foi contratado para a disputa do Estadual. Os nomes mais conhecidos na Lusa são os ex-Botafogo Alex "Créu" e Lucas Zen, que acertaram com o clube justamente para a disputa do Campeonato Carioca.  E a campanha da Lusa foi razoável, pois ficou no 4º lugar do grupo C na taça Guanabara e na Taça Rio ficou na 3ª colocação. Na classificação geral, a Portuguesa-RJ ficou na 6ª colocação e conseguiu uma vaga para a disputa da Serie D do Campeonato Brasileiro em 2019.

quinta-feira, 19 de abril de 2018

Cariocão 2018

Voltando com as postagem do Cariocão, hoje é a vez do Nova Iguaçu. Melhor entre os clubes de menor investimento no Carioca do ano passado - ficou atrás apenas dos quatro grandes -, o Nova Iguaçu esperava repetir o desempenho em 2018. O clube da Baixada Fluminense contou o vice-artilheiro do Estadual do ano passado, o centroavante Adriano, ex-Vasco e com o experiente meia Andrezinho, ex-Vasco. Mas apesar da expectativa da diretoria, o Nova Iguaçu não conseguiu fazer uma boa campanha e acabou na última colocação na Classificação Geral e em 2019 disputará o Grupo X.  

domingo, 15 de abril de 2018

Sergipanão 2018

Depois de encerrado o Sergipanão 2018 (sim, eu chamo o Campeonato Sergipano de SERGIPANÃO), a postagem é com todos os times que disputaram o campeonato, que teve o Sergipe como Campeão e o Itabaiana ficou com o Vice-campeonato.

Amadense (PDF) (PNG)
Boca Júnior (PDF) (PNG)
Confiança (PDF) (PNG)
Dorense (PDF) (PNG)
Frei Paulistano (PDF) (PNG)
Itabaiana (PDF) (PNG)
Lagarto (PDF) (PNG)
Olímpico (PDF) (PNG)
Sergipe (PDF) (PNG)
Socorrense (PDF) (PNG)

quinta-feira, 12 de abril de 2018

Cariocão 2018

A cartela de hoje é do tricolor suburbano, o Madureira. Na última temporada de Souza "Caveirão", o time da Zona Norte do Rio também apostou em outros nomes conhecidos. O zagueiro João Carlos e Aislan, o meia Léo Lima e o técnico PC Gusmão, todos com passagem pelo Vasco, também fizeram parte do Tricolor Suburbano. Mas a experiência desses medalhões não se transformou em bons resultados. Na Taça Guanabara e na Taça Rio, o Madureira ficou na ultima colocação do Grupo C e só ficou fora do Grupo X em 2019, porque as equipes do Grupo B, Volta Redonda e Nova Iguaçu, fizeram campanhas piores.

domingo, 8 de abril de 2018

Cariocão 2018

Última semana do Cariocão no Sandescudos, hoje com a cartela do Macaé. Segundo colocado da seletiva do Cariocão, o Macaé por pouco não se classificou para a Taça Guanabara. O time se classificou apenas por ter um gol a mais de saldo do que o Goytacaz e durante a última rodada chegou estar fora da zona de classificação, mas conquistou a vaga. Na Taça Guanabara, o Macaé não fez uma boa campanha e ficou na 5ª colocação do Grupo C. Na Taça Rio, não conseguiu melhorar o rendimento e mais uma vez ficou na 5ª colocação. Na Classificação geral, o Macaé ficou na 9ª colocação, muito próximo da zona do rebaixamento.

sexta-feira, 6 de abril de 2018

Cariocão 2018

Hoje é a vez da cartela do Goytacaz, no Cariocão 2018. O nome do clube foi uma homenagem aos primeiros habitantes da cidade de Campos: os índios goytacazes, que segundo o historiador Eduardo Bueno, eram os mais ferozes índios do atual território conhecido como Brasil, além de exímios nadadores, o que lhes dava uma vantagem extra nas batalhas. Campeão da segundona do Carioca no fim do ano passado, o Goyta ficou a um gol de distância de avançar para a Taça Guanabara. O time de Campos ficou no quase e participou do Grupo X, para evitar a volta para a segunda divisão depois de 25 anos longe da elite do Carioca. No Grupo X, a equipe ficou na 1ª colocação e junto com o Resende, 2º colocado, disputarão a Primeira Fase  do Cariocão 2019 com Volta Redonda e Nova Iguaçu, últimos colocados na classificação geral.

sábado, 31 de março de 2018

Cariocão 2018

Reta final do Cariocão 2018, hoje é a cartela do Fluminense. A temporada começou conturbada nas Laranjeiras, com a saídas dos medalhões Cavalieri, Henrique, Henrique Dourado e Gustavo Scarpa. A perspectiva não era das melhores, mas o velho Abel Braga, conseguiu remontar a equipe com alguns jovens da base e reforços pontuais como o lateral Gilberto (ex-Vasco) e a equipe conseguiu conquistar a Taça Rio. Na semifinal, em jogo movimentado o Flu tomou uma virada do Vasco e acabou fora da Final do campeonato.

quarta-feira, 28 de março de 2018

Cariocão 2018

Hoje é a vez do Flamengo. Com mudanças em relação a 2017,  o atual campeão manteve a base e trouxe alguns reforços como Henrique Dourado (ex-Fluminense), Marlos Moreno (ex-Manchester City-ING) e outros atletas deixaram o Rubro-Negro, como é o caso de Márcio Araújo, Gabriel e outros que foram emprestados. Depois de um início com os jogadores da base, que conquistaram a Copinha, Carpegiani mesclou aos poucos os jogadores mais experientes e conquistou a Taça Guanabara. Com a classificação garantida para as finais, o Flamengo focou a taça Libertadores e durante a Taça Rio, fez alguns testes com jogadores reservas e acabou se complicando, sendo eliminado na Semifinal pelo Fluminense. Nas Semifinais do Campeonato Carioca, jogará contra o Botafogo.

quarta-feira, 21 de março de 2018

Cariocão 2018

A cartela de hoje é da Cabofriense. Primeiro colocado na seletiva que definiu os clubes que lutaram contra o rebaixamento, o Tricolor Praiano conta com o atacante Claudio Pitbull, que estreou no último jogo da fase de grupos e estava sem jogar desde 2014, e tem passagens por Fluminense e Grêmio. A Cabofriense também contou com outro ex-Flu: o zagueiro Leandro Euzébio, capitão do time de Cabo Frio. Na Taça Guanabara a Cabofriente, terminou na 5ª colocação do grupo B e na Taça Rio, ficou na 3ª colocação. Na classificação geral, acabou na 7ª colocação e não conseguiu se classificar para a Série D.

domingo, 18 de março de 2018

Cariocão 2018

O primeiro grande a aparecer no Cariocão 2018 do Sandescudos é o Botafogo. Sem Libertadores, o ano do Botafogo vai ser mais contido no âmbito financeiro. Sem nenhum nome de peso como novidade - como foi Montillo em 2017 - o principal jogador que chegou foi o atacante Luiz Fernando, que fez uma boa temporada pelo Atlético-GO no ano passado e foi o único investimento do Bota: R$ 2,5 milhões. Além dele, Leandro Carvalho, Renatinho e Rony também são novidades no Alvinegro. Por outro lado, o Bota perdeu muita gente. Saíram 14 jogadores. Entre eles, nomes importantes, como o volante Bruno Silva, o atacante Roger e o lateral-esquerdo Victor Luís. Além da perda de atletas, Jair Ventura e alguns membros da comissão técnica deram adeus ao clube e foram para o Santos. Para seu lugar a diretoria efetivou Felipe Conceição, que era auxiliar e que não resistiu a um fraco início de temporada e à eliminação do Botafogo na Semifinal da Taça Guanabara. O segundo treinador do Botafogo na temporada é o Alberto Valentim, que assumiu a equipe depois da eliminação da Copa do Brasil frente ao pequeno Aparecidense de Goiás. Apesar de um início conturbado, aos trancos e barrancos, o Botafogo conseguiu a classificação para as Semifinais da Taça Rio e enfrentará o Vasco.

sexta-feira, 16 de março de 2018

Cariocão 2018

Vamos em frente com o Cariocão 2018, com a cartela do Bomsucesso. Tradicional agremiação do Rio de Janeiro, pertencente ao bairro de Bonsucesso, que lhe inspirou o nome, já foi finalista do Campeonato Carioca da 1º Divisão, em 1924, quando terminou derrotada pelo Vasco na final por 1 a 0, sagrando-se vice-campeã carioca. No Bonsucesso, o grande craque Leônidas da Silva, o "Diamante Negro", marcou o primeiro gol de bicicleta da história. Outro jogador de destaque que passou pelo Bonsuça, foi o ex-lateral de Cruzeiro e Seleção Brasileira, Nelinho, que teve o Bonsucesso como o seu primeiro clube profissional. Em 2017 o Bonsucesso não foi rebaixado por pouco, dois pontos, mais precisamente. Assim como na temporada passada, o time carioca disputou o Grupo X, mas dessa vez não deu para o Cesso, que amargou a lanterna e acabou rebaixado para a divisão de acesso em 2019.

quarta-feira, 14 de março de 2018

Cariocão 2018

Para não perder o embalo das postagens do Cariocão 2018, segue a cartela  do Boavista. Para 2018, o Boavista manteve a tradição de apostar em veteranos. Trouxe velhos conhecidos dos grandes cariocas, como Leandrão (ex-Vasco), Erick Flores (ex-Flamengo), Fellype Gabriel (ex-Botafogo e Flamengo) e Julio Cesar (que jogou em todos os grandes). Na Taça Guanabara a fórmula deu certo, e a equipe de Saquarema conseguiu chegar á Final, embora tenha perdido para o Flamengo, por 2 x 0.

domingo, 11 de março de 2018

Cariocão 2018

Segunda postagem do Cariocão 2018, é do Bangu. Depois de ficar na fase principal por pouco na última temporada, mesmo com muito investimento, o Bangu mudou o panorama. A equipe iniciou 2018 sem nenhum grande nome e aposta no coletivo para tentar surpreender na competição. Apesar da manutenção de nomes consagrados como Almir e a chegada de Nilson, atacante com rodagem por clubes importantes do país, os reforços chegaram de maneira pontual e sem grande badalação. O elenco repete o mantra de anos anteriores, quando o objetivo era conseguir um lugar no cenário nacional. 

domingo, 4 de março de 2018

Cariocão 2018

O primeiro post do Cariocão 2018 é do tradicional America, cujo torcedor ilustre é o grande jornalista José Trajano. Infelizmente essa postagem aconteceu no dia em que o America, segundo time de todo torcedor carioca, foi rebaixado após empate com o Bonsucesso, por 1 a 1, em Moça Bonita, no Rio de Janeiro. Foi o quarto rebaixamento do América nos últimos dez anos. Após fazer uma grande divisão de acesso, o Mequinha não conseguiu repetir o sucesso na Seletiva do Campeonato Carioca, disputada sem a presença dos quatro grandes. Como foi um dos quatro que tiveram a pior campanha na seletiva, a equipe foi encaminhada para a disputa do quadrangular do rebaixamento. 
Fonte: Site Futebol Interior

sábado, 3 de março de 2018

Cariocão 2018

Olá amigos que acompanham o Sandescudos. Para iniciar a temporada 2018, escolhi um dos mais tradicionais dos campeonatos estaduais, o Cariocão. A partir da semana que vem, inicio as postagens com as equipes 16 equipes (incluindo as que disputaram o Grupo X). Para esse inicio de temporada, tentarei concluir a Libertadores 2018, para postar em paralelo ao Cariocão. Grande abraço e continuem acompanhando o Sandescudos!!!